Atendimento

ACUPUNTURA

O tratamento com Acupuntura utiliza os preceitos e técnicas da Medicina Tradicional Chinesa, cuidando do paciente a partir de uma visão holística, buscando compreender o ser humano de forma integral, ou seja, seus pensamentos, emoções, hábitos etc.

PRIMEIRO É FEITO O DIAGNÓSTICO UTILIZANDO-SE DIFERENTES TÉCNICAS:

» Anamnese, para análise do perfil Físico, Comportamental e Emocional
» Análise da Íris, que é uma área reflexiológica ou seja, mostra o corpo todo, inclusive a parte emocional – mostra o que está acontecendo há anos com a pessoa. – Não faz parte do diagnóstico oriental
» Diagnóstico pelo Pulso – é possível observar 12 órgãos; coração, rins, bexiga, intestino delgado etc – É uma análise onde se observa o que está acontecendo no organismo do paciente no momento
» Diagnóstico pela Língua – mostra o que está acontecendo no corpo há uma semana.

O TRATAMENTO PODERÁ SER FEITO COM VÁRIAS FERRAMENTAS:

» Agulhas
» Laser
» Eletroestímulo
» Sementes
» Calor

A ACUPUNTURA É MUITO EFICIENTE PARA TRATAMENTO EM DIFERENTES ÁREAS COMO:

» Esporte – atleta ou quem frequenta academia: trata lesões, melhora performance, perda de peso…
» Estética – rugas, marcas de expressão, levantamento de glúteo, celulite…
» Cardiologia
» Ginecologia
» Dermatologia
» Pediatria
» Neurologia

IRIDOLOGIA

IRIDOLOGIA É O DIAGNÓSTICO PELA ÍRIS

O estudo da íris é uma das ciências mais instigantes das terapias alternativas. Por meio da análise dos olhos é possível reconhecer problemas clínicos, emocionais e psicológicos do paciente analisado.

Essa ciência diagnóstica permite, por meio do estudo da íris de cada paciente, identificar os estágios evolutivos, agudo, sub agudo, crônico e degenerativo das alterações que acometem um ou mais órgãos do corpo ou o organismo como um todo.

COMO É FEITO O DIAGNÓSTICO

  • Primeiro o paciente passa por uma anamnese detalhada, em seguida é feito uma análise prévia da íris e na sequência ambos os olhos são fotografados para posterior análise detalhada.
  • Depois de alguns dias, o paciente recebe um relatório completo do análise da íris.

PARA QUE SERVE ESSE DIAGNÓSTICO

  • O diagnóstico pode ser feito para detectar possíveis causas de problemas de saúde e pode auxiliar no tratamento médico, uma vez que indica a origem exata de tais patologias;
  • Pode ser utilizada como ferramenta diagnóstica no tratamento psicológico ou comportamental, visto que a íris registra todos os traumas e acontecimentos ao longo da vida da pessoa;
  • Para nortear o tratamento com terapias da medicina oriental, como acupuntura, fitoterapia ou bioenrgia.

FITOTERAPIA

TERAPIA PELAS PLANTAS

A arte de se utilizar plantas na cura de doenças e manutenção da saúde surgiu na China, há cerca de 3.000 anos a.C.

Este conhecimento vem contribuindo de forma significativa para a saúde de milhares de pessoas ao redor do mundo. Pacientes que buscam tratamentos alternativos à prevenção e cura de doenças.

Quando a planta medicinal é industrializada para se obter um medicamento, tem-se como resultado o fitoterápico. O processo de industrialização evita contaminações por microrganismos, agrotóxicos e substâncias estranhas, além de padronizar a quantidade e a forma certa que deve ser usada, permitindo uma maior segurança e eficácia de uso.

O QUE SÃO MEDICAMENTOS FITOTERÁPICOS:

A fitoterapia utiliza plantas medicinais, cujas propriedades podem aliviar os sintomas ou curar enfermidades.  Quando essas plantas são processadas em laboratório, esse processo impede a contaminação e gera mais segurança no uso, dando origem ao medicamento fitoterápico.

COMO É O TRATAMENTO:

  • Após o diagnóstico do paciente para se determinar as causas de sua patologia, é feita a escolha da planta adequada à situação. Para se fazer essa escolha leva-se em consideração as características químicas de cada planta e o seu poder de atuação específica no corpo. Além dessa ação específica de cada planta, muitos fitoterápicos  possuem uma composição de diferentes plantas, potencializando os efeitos e causando uma ação conjunta para combater determinada doença.
  • É muito importante que o tratamento seja ministrado por fitoterapeutas ou médicos experientes porque o uso inadequado de plantas naturais também pode causar danos à saúde se não for bem orientado.

 

DOENÇAS QUE PODEM SER TRATADAS COM A FITOTERAPIA:

  • A Fitoterapia pode ser utilizada como tratamento principal ou coadjuvante em inúmeras doenças.  As plantas medicinais podem ser utilizadas por exemplo, como anti-inflamatória, anticoagulante, antibacteriana, antiviral, analgésica, antialérgica e outras.
    Como coadjuvante em tratamentos, pode contribuir para evitar o agravamento em um determinado estágio de doença; pode acelerar o processo de cura ou reduzir significativamente o número de medicamentos consumidos.